IV CONGRESSO internacional do ENSINO,
PESQUISA E EXTENSÃO DA Universidade Católica Dom Bosco
Saberes em Ação

Saúde mental na vida acadêmica é tema de debate que encerrou o Saberes em Ação

Por: Michele Moraes | Em: 27 out 2017


A quarta edição do Saberes em Ação promoveu, ao todo, onze mesas-redondas que abordaram os mais variados temas da área do conhecimento. Um deles foi o debate sobre “Saúde Mental e os desafios da Vida Acadêmica” presidido pelos professores da graduação e também do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da UCDB: Dr. André Barciela Veras, Dra. Lucy Nunes Ratier e Dra. Thaize de Souza Reis.

Durante a discussão, que encerrou o congresso nesta quinta-feira (26), foi exposto o processo de adaptação do aluno ao deixar o ensino médio e ingressar na Universidade. Uma mudança radical que exige uma evolução mental por parte da pessoa — é preciso deixar a adolescência e passar para a vida adulta.

Segundo os especialistas, essa adaptação e a integração do aluno a educação superior é o aspecto central que irá repercutir no sucesso dele e também na permanência na Universidade. Porém, esse processo exige mudanças por parte do acadêmico como aderir novos ritmos e estratégias de aprendizagem.

“Existe uma capacidade humana de moldar-se a cada situação, mas também há uma dificuldade por parte dos adolescentes. Estudos apontam que essas exigências de adaptação podem gerar estresse, depressão, ansiedade, disfunção alimentar e, em alguns casos, esses alunos passam a abusar do uso de drogas lícitas ou ilícitas para enfrentar as dificuldades. Isso é preocupante e existem situações extremas, que levaram pessoas à morte”, esclareceu André.

Diante disso, os professores apontam a importância de implementar serviços que facilitem a integração do estudante a vida acadêmica e à otimização do bem-estar físico e psicológico de cada um. Também durante o debate, o trio expôs algumas dicas práticas que podem ser decisivas na adaptação do aluno no ambiente universitário: incentivo para a participação em atividades extracurriculares e participação em eventos e festivais organizados pela Instituição ou colegas de classe.

Texto sob supervisão de Natalie Malulei.